sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Quinto dia da novena de natal: da desconfiança... à confiança

G: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!

CANTO

L: Com a esperança, queremos iluminar a nossa desconfiança e acender a "vela da confiança". Ajuda-nos, Senhor Jesus, a confiar em ti, no teu projeto, assim como fez Maria, José, os Magos e os pequenos Santos da história. (se acende a vela)

G: Tu, Chave de Davi que nos abre as portas do Céu.

T: Vem, Senhor Jesus! Vem rápido em nosso meio!
G: Tu, que libertas o homem prisioneiro do pecado. T: Vem, Senhor Jesus! Vem rápido em nosso meio!
G: Tu, que és o caminho à comunhão com Deus Pai.
T: Vem, Senhor Jesus! Vem rápido em nosso meio!

ORAÇÃO (todos):
Esperamos por Ti, Senhor Jesus! Esperamos pacientemente por tua chegada, por tua luz, por tua mensagem, por teu amor! Ajuda-nos a preparar o nosso coração para ti, e a reconhecer as luzes que chegam nos nossos cantos escuros. Senhor Jesus, queremos recebê-lo em nossos dias e com a tua ajuda seremos também nós os teus mensageiros para que aqueles que estão ao nosso redor possam reconhecer que tu és o broto de Deus que traz a esperança ao mundo. Amém.

ENTRE TANTAS PALAVRAS … A PALAVRA

Do Evangelho de São Mateus (2, 1b-2.9-11a)
Eis que vieram alguns Magos do Oriente a Jerusalém, perguntando: 'Onde está o rei dos judeus recém-nascido? Com efeito, vimos a sua estrela no seu surgir e viemos homenageá-lo.' A essas palavras do rei, eles partiram. E eis que a estrela que tinham visto no seu surgir ia à frente deles até que parou sobre o lugar onde se encontrava  o menino. Eles, revendo a estrela, alegraram-se imensamente. Ao entrar na casa, viram o menino com Maria sua mãe, e, prostrando-se, o homenagearam.

REFLEXÃO
Quantas vezes não confiamos naquilo que os outros nos dizem. Geralmente não pensamos que aquilo que dizem seja verdadeiro ou que realmente possa acontecer. Os Magos, pelo contrário, nos ensinam que a confiança é a primeira atitude de um cristão. Sobretudo se Aquele que nos pede para confiar é Deus. Como os Magos tiveram a confiança de seguir uma estrela apesar das nuvens e do mal tempo terem tentado algumas vezes ofuscá-la, também nós, neste natal, devemos confiar naquilo que Deus nos pede para seguir.

Breve silêncio

PAI NOSSO

ORAÇÃO CONCLUSIVA
G: Ó Pai, que na chegada do teu Filho nos ensina o caminho para te acolher, ilumina o nosso coração e orienta o nosso caminho, para que, confiando na tua Palavra, possamos alcançar renovados o natal do teu Filho. Por Cristo nosso Senhor.
T:  Amém.

Equipe de liturgia
Missionárias da Imaculada-Padre Kolbe