segunda-feira, 14 de abril de 2014

Hino às Sete Dores da Santíssima Virgem

Bendita sejais, Senhora das Dores,
Ouvi nossos rogos, Mãe dos pecadores.

Ó mãe dolorosa, que aflita chorais,
Repleta de angústia, Bendita sejais.

A voz de Simeão no templo escutais
Cruéis profecias, Bendita sejais

O Céu manda um Anjo dizer que fujais
Da fúria de Herodes, Bendita sejais

Voltando do Templo, Jesus não achais
Que susto sofrestes, Bendita sejais



Que dor indisível, quando O encontrai
Com a cruz às costas, Bendita sejais

A dor ainda cresce quando contemplais
Jesus expirando, Bendita sejais

No vosso regaço, seu corpo abrigais
Com ele abraçada, Bendita sejais.

Sem filho e tal filho então suportais
Cruel solidão, Bendita sejais.

Que espada pungente, vós experimentais,
Que o peito vos vara, bendita sejais!

A todos que passam tristes perguntais,
Se há dor como a vossa, bendita sejais!

Das lágrimas ternas, que assim derramais,
Nós somos a causa, Bendita sejais.

Que tristes suspiros, então, não lançais,
Que chegam aos céus! Bendita sejais!

Cantora: Maria do Rosário

Fonte: Carlos Adriano Wandembruck