quinta-feira, 5 de junho de 2014

Novena de Pentecostes: o fruto do Espírito é FIDELIDADE

Sétimo dia

São Maximiliano nos dizia...

A graça para nós mesmos e para os outros, no entanto, é sustentada com a humilde oração, com a mortificação e com a fidelidade no cumprimento dos próprios deveres, inclusive aqueles mais simples. Quanto mais a alma estiver próxima de Deus, mais ela é agradável a Deus, quanto mais ela o ama e é amada por Ele, mais ela é capaz de ajudar também os outros a obter a graça divina, mais facilmente e plenamente a sua oração é atendida.

ORAÇÃO A MARIA

Mãe nossa, Virgem da Encarnação, obrigada pelo seu sim, porque acreditou no amor do Pai, e por isso, do profundo da sua pobreza, confiante naquele em que nada é impossível, disse: "Sim, eu sou a serva do Senhor, faça-se em mim segundo a sua vontade". Senhora do sim, ajuda-nos a compreender a profundidade e a maturidade do seu sim. O Espírito Santo que tomou posse de você, preparou aos poucos essa resposta. Maria, ensina-nos a dizer cotidianamente sim. Faça que hoje possamos dizer mais uma vez sim, o sim do nosso batismo, o sim da nossa consagração. Enisna-nos a dizer sim com muita fé, muita confiança e espírito contemplativo. Ensina-nos a dizer sim à Palavra e aos irmãos; a dizer sim na totalidade do nosso compromisso. Amém.