quarta-feira, 18 de julho de 2012

Herdeiras de um grande ideal

No dia 14 de agosto de 1941, no campo de consagração de Auschwitz - Polônia, São Maximiliano Kolbe entregou espontaneamente sua vida para salvar a de um pai de família.
Morreu após ter recebido uma injeção de ácido fênico. Seu corpo foi cremado e sua cinzas espalhadas ao vento.
Do seu testemunho de vida nasce, em 1954, em Bolonha, Itália, o Insituto Secular Missionárias da Imaculada-Padre Kolbe, de direito pontifício, fundado por Padre Luigi Faccenda.